sexta-feira, 20 de novembro de 2009

Especialidade médica

Pergunta:

Qual o médico mais alegre que existe?


Resposta:

O Otorrino(laringologista).
Ele diz: "ô tô rindo... (até as orêia)!" (rsrs)


Comentário:

Ô (=eu) confesso que sempre tive dificuldade para saber entre
OTorrinO(-la-la-la-logista) e OfTalmO(-logista)
qual era o médico de olhos qual era de nariz e ouvido,
pois "oftalmo" lembra muito mais "olfato" do que "olhos".

Daí que, com a dica acima, fica mais fácil lembrar
que Otorrino cuida dos ouvidos, garganta, boca e nariz,
e que os olhos sobram pro outro, o Oftalmo.

Depois de contaram outra dica,
que "rino" é de nariz. Exemplos:
rinosoro (= líqüido para por no nariz)
rinoceronte (= animal que tem um chifre no nariz)
Mas aí já era tarde... a outra dica é mais divertida!


Bônus:

1)
oculista NÃO é médico de óculos, nem de olhos, e nem lista o cu
oculista é quem vende (ou é especialista em) óculos

2)
se dentista cuida dos dentes,
Paulista (=habitante de São Paulo) cuida do quê?

4 comentários:

Erika Freitas disse...

Uau, nunca tinha pensado nisso! Agora meus problemas acabaram!!!! Sempre vou saber qual medico é de que com essa dica!

Simples Assim... disse...

Quanto a seu comentário, eu penso que o quinto elemento (uiiiii, medo!!! rs) é aquela magia que acontece no exato instante em que se dá o encontro entre o texto e o leitor. Uma comunhão a qual cada um, levando em conta suas crenças e descrenças, dá o nome que melhor lhe convier, mas que não tem nome algum. É aquela força do verdadeiro encontro total, profundo, que faz duas coisas, por um instante, virarem uma só. Disse encontro entre o texto e o leitor, encontro que pode, ou não, estender-se ao escritor. Mas essa é realmente uma longa história. Sei que vc deu permissão a meus devaneios, mas como estou apenas chegando, vou devagar antes que vc coloque a vassoura atrás da porta... rs... Minha avó dizia que vassoura atrás da porta espanta visita folgada... Ela falava com essas mesmas palavras... rs.

Por falar em ir com calma, ainda estou conhecendo um dos lados antes de olhar pro outro. Gosto de observar minúcias, depois fazer paralelos entre os lados da mesma moeda. Na verdade, nem é um gostar, é vício mesmo... rs.

Logo que cheguei ao nordeste, li na frente de uma ótica uma placa dizendo: "Oculista aos sábados de manhã." Depois descobri que, como na cidade, não havia oftamologistas, eles traziam um de Fortaleza aos sábados pra consultarem o povo. Meu primeiro pensamento foi: O povo não aprende justamente porque quem poderia trazer esclarecimento não faz por puro descaso. Mas depois de um tempo por aqui, aprendi que a magia da comunicação vai muito mais além de rigores técnicos e aperfeiçoamentos conceituais. É bonito perceber que a comunicação nem sempre estabelece relações hierarquizadas, e quando estabelece nem sempre quem aparentemente está por cima realmente está.

Espero que não tenha ficado tudo muito confuso, mas se ficou, tudo bem, vc é bom em decodificações mesmo... rs. Bjs.

Carmem L Vilanova disse...

Depois de uma super gripe, que felizmente nao foi a suina, passo para deixar-te beijos, flores e muitos sorrisos... e que tua semana seja linda!

Eu Sei Que Vou Te Amar
Viver Integral

Felipe Junior disse...

ow,muito bacana esse blog,parabens em,passaram 2 pessoas la no meu e falaram do seu,aprovadissimo 100% ai da gosto de ver blogs recomendados,me recomendaram esse www.rastreamentodecelular.net ,parece que é de software de celular pra rastrear e eu tava precisando,sera que é bom?Abraços,fui,BLOG PERFEITO